sábado, 28 de agosto de 2010

Mudanças imaginadas...



Pessoas queridas, perdoem o longo silêncio. O ano escolar começou a todo vapor, a semana foi intensa, muitas tarefas, um seminário e vários trabalhos por acabar e outros novos por começar. No final dos corridos dias eu simplesmente chapava, cansada e preguiçosa demais para encarar o computador. Acho que todos passam por isso depois das férias. Enfim, faz algum tempo eu escrevi que desejava uma mudança de rumos para o blog, que depois de dois anos de receitas e delírios eu preciso de algo mais para continuar seguindo. Tem uma hora em que é preciso unir as pontas soltas, estabelecer uma conexão mais forte e dar mais sentido aos meus blogs. Além disso, uma das coisas bacanas de se fazer blog é exatamente a facilidade de fazer mudanças, assim, a qualquer momento. A parte difícil é mudar, mudar as mentes, isso sim demanda esforço sobre-humano já que, nós, humanos, apesar da aparência tão evoluída gostamos mesmo de permanência, de proteção e de certezas.



Entre as mudanças que eu estou planejando está a mudança do nome deste blog. Adoraria deixar para trás o lado saudosista e melancólico. Desejo muito dar mais espaço ao meu espírito político-crítico-debochado e rir mais de mim e do mundo. Mas isto ainda é um plano, já que ainda não encontrei um nome novo que represente tudo o que tenho em mente. Não que "sabor saudade" represente alguma coisa concretamente, sinceramente? Sempre foi apenas um nome. Mas já que eu planejo uma mudança, eu gostaria que o novo nome representasse alguma coisa, ao menos para mim. Vamos ver o que surgirá por aí. Assim que alguma luz se acender eu aviso. Por hora as idéias que surgiram ainda não parecem valer a pena.





A necessidade de mudanças é resultado de uma série de coisas, de processos íntimos, pessoais e de rede mesmo. Eu planejava mudar há tempos, cheguei a contratar um designer para produzir um desenho novo para o Sabor Saudade, selecionei algumas fontes novas para o blog, mas as coisas acabaram atrasando, o designer pegou um trabalho grande e a coisa foi adiando. E enquanto as coisas atrasavam veio a morte do meu irmão em fevereiro, uma "puxada de tapete" violenta na minha vida, uma queda da qual ainda não sei quando serei capaz de me recuperar totalmente. Mas derrota por nocaute não faz meu estilo, um no-show, talvez, mas nocaute jamais. Mas o fato é que desde fevereiro que certas coisas deixaram de ter qualquer importância para mim.



Faz tempo que eu desejo aprofundar o conteúdo das minhas postagens na direção das minhas pesquisas sobre agricultura. Unir minhas pontas. Depois de dois anos eu acho que sei melhor o tipo de blog de comida eu quero fazer. E eu acho que as coisas vão mudar bastante, já estão mudando. Também acredito que ninguém mais aguenta esse monte de receitas repetidas, quase sempre as mesmas coisas com fotos levemente diferentes. Apesar do tamanho do meu bode ainda ser grande, eu adoro fazer este blog. Eu gosto de escrever em português, falar para a rede de língua portuguesa, gente que realmente me entende. Aqui eu conheci pessoas ótimas, incríveis, cheias de entusiasmo e carinho e quero continuar cultivando esse aspecto do blog.



Acho que o momento atual é muito especial, de transformações, complexo e demanda mais atitude e mais atenção. Além disso acho que cheguei ao meu limite de receitas originais. Vivo numa parte do mundo razoavelmente pobre de alternativas onde não há um mundo de biodiversidade a me inspirar os dias. Aqui o buraco é mais embaixo e a coisa toda é extremamente repetitiva. Além disso o que me interessa hoje é promover uma cozinha muito mais saudável e por isso mais saborosa. Quero me especializar em alguns assuntos, como tudo feito em casa, com foco pesado nos alimentos orgânicos, intensificar minha guerra contra o cinismo dos produtos transgênicos, os alimentos processados e a falta de originalidade. Como eu cozinho muito, todos os dias, todas as refeições servidas para minha família são pensadas, produzidas e servidas por mim, eu vou continuar tendo muitas coisas interessantes para publicar já que é exatamente a cozinha do dia-a-dia que me dá mais prazer... Mas meu plano é melhorar o conteúdo. Vamos ver.



Engraçado, que enquanto eu escrevia esta postagem a Valentina deixou um comentário. O primeiro comentário deste blog, dois anos atrás, foi feito por ela e não é que tudo parece tão acertado.


16 comentários:

Claudia Lima disse...

Uma vez li em algum lugar que, para sermos sempre os mesmos, devemos mudar sempre.
Eu acho isto super verdadeiro e, sendo o blog uma extensão de nós mesmos, é natural que o seu conteúdo possa sofrer muitas alterações ao longo do tempo.
A questão da originalidade é fundamental, senão a gente acaba sendo mais um na multidão.
Todos são diferentes e é ai que mora o encanto.
Eu acho tão monótono, quando percebo as pessoas simplesmente querendo imitar umas as outras.
Me interesso muito sobre as suas informações sobre os alimentos, pq aqui nos preocupamos com o que ingerimos, ainda que não sejamos nenhum modelo a ser seguido.
Aguardarei anciosa as novidades!
As fotos do post estão muito bonitas.
Bjs :)

Helena disse...

Olá Claudia
É com expectativa que aguardo a nova vertente. Penso que faz todo o sentido seguirmos a nossa vontade e no seu caso tem tanto para dizer sobre os alimentos e a sua produção.
Achei curioso partilhar a vontade de mudar o nome do blogue, já sinto essa vontade há muito e nunca a concretizei....
um beijo

Luciana Håland disse...

Eu adoro uma mudanca. Amei suas ideias, estou doidinha já pra ver o blog de cara nova, nome novo, com as asas novas. O layout do seu blog eu adoro, pois assim o destaque fica pras suas fotos que acho incrível, eu não consigo fotografar dessa forma, morro de admiracão por quem faz.

Beijo e um ótimo domingo!

Aninha Padredi disse...

Bom, eu sou suspeita pra dizer qq coisa, pois adoro seu blog e todas as suas receitas. Mas a gente sempre tem que renovar tudo, espírito, vida, vontades! E estou curiosíssima pra ver este novo blog! E garanto que você conseguirá se levantar desse nocaute rapidão e dar a volta por cima!!!
Beijocas

Fabiano Mayrink disse...

Mudança faz parte do ciclo da vida, devemos mudar sempre!

Não conheço seu blog a 2 anos, o conheci pela pergunta da compota de mexerica, mais do tempo que conheço volto por aq as vezes pra ver as novidades.

Lindas imagens, e bom papo, e pela região tão bela ao meu ver, gosto dos países por estas bandas, mesmo não os conhecendo.

adoro a idéia dos contos de fada mesmo eles não existindo, adoro pensar assim, vc é privilegiada acredite, tem o melhor dos dois mundos, Brasil e Noruega, aproveite o buraco e entre na toca do coelho kk um abraço!

Claudia disse...

Clauzinha,

Eu concordo totalmente com você, precisamos mudar para continuarmos sendo sempre os mesmos. Mas como eu fico repetindo demais as mesmas receitas eu acho que quero fazer mais do que isso. Enfim, hora de mudar um pouco.

Helena,

Eu cansei das minhas receitas repetidas, quando começo a repetir eu acho que fica chato e acho que tenho muito mais para dizer e aí mudar um pouco parece natural. Mudar o nome também deveria ser uma coisa mais fácil, mas ainda não consegui encontrar um nome legal.

Luciana,

Espero mesmo é conseguir um nome novo aí eu me animo a fazer a reforma gráfica, como dizemos no jornal. O conteúdo vai melhorar, menos receitas e mais informação com muitas fotos.

Aninha,

Obrigada, vamos sempre mudando sem muito alarde e vamos ver no que dá.


Fabiano,

Super obrigada pelo comentário. Você é sempre muito sensível oferece uma ótima visão das coisas. Acho que vc tem toda razão, sou mesmo uma privilegiada.

Beijos a todos,

Cláudia

Camila Hareide disse...

Não posso esperar! Foram SEUS blogs que me chamaram atenção pra coisas importantes, e passei a abraçar algumas das suas causas... Passei e ter aversão por derivados de milho, à Monsanto e tantas outras coisas. Seu Sabor Saudade inspira muito, mas espero que seu blog de roupa inspire ainda mais! Porque a internet também é local de ativismo...

beijo

PS - vai pra Oslo 3 de outubro? Tem onde ficar?

Claudia disse...

Camilitcha,

Vamos para Oslo sim, como é semana de férias para as crianças acho que vamos em bando, não está certo ainda. Eu acho que vamos ficar num hotel que já ficamos algumas vezes. Eu estava comprando o bilhete do trem e fui conferir o calendário escolar e agora vai ser viagem cívica familiar, fazer a maior zona na Embaixada. Ainda estou indecisa em qual das duas negas eu vou votar! Eu já te falei que gosto das duas. Estou preparando uma postagem sobre as duas, peguei umas fotos e vamos ver se eu me convenço...

Bj,

C.

Alcina disse...

Pois eu vou gostar da mudança concerteza tanto como gosto deste agora, gosto das coisas que voce escreve e das suas comidinhas também, mas vou gostar de saber mais, do que tem para nos ensinar sobre os transgénicos e companhia :-)
Sabe que até eu que publico tudo que me dá na cabeça até a comidinha mais michuruca, ás vezes penso que precisava mudar um pouco hehe mas como não faço para agradar ninguem vou fazendo o que me apetece e tenho pena não publicar as fotos que ficam para além das que aparecem, seria um blog bem mais divertido, mas não tenho coragem :-)
Fico então á espera das novidades :-)
bjs

Claudia disse...

Alcina,


Você deve fazer o que te apetece afinal você é a patroa do blog, não? Você é quem manda! Eu acho que mais fotos é sempre mais divertido, eu publicaria muitas fotos mais mas as vezes me dá preguiça de editar tantas fotos...

Bj,

C.

Gina disse...

Fiz uma viagem curta e só agora estou chegando aqui para conferir suas novidades.
Acho muito bacana você refletir sobre os blogs e querer mudar. Isso é muito bom! Para manter o prazer, é preciso inovar.
Há quem não tenha paciência para posts longos, como os nossos. Para mim é sempre um passeio ler tudo, curtir suas fotos, acompanhar suas ideias, suas viagens, sua dedicação ao alimento totalmente elaborado em casa.
Tenho certeza que vou gostar das mudanças, porque aqui sempre encontro você por trás do blog, entende? O blog reflete a dona.
Bjs.

Dani disse...

Eu gosto muito do nome do blog porque ele remete a uma coisa que a comida tem o poder de fazer - criar um vínculo com a memória afetiva.
Não enjoo das suas receitas justamente porque você as repete em versões diferenciadas de vez em quando, o que ajuda a memorizar o processo, o como "você faz" as coisas.
Mas, claro, você sente a necessidade da expansão, da mudança, e ficaremos aqui à espera, pois sabemos que tudo continuará a ser bom.
Navegar é preciso.

Beijos!!!

Isabel disse...

A sua estética é única e a sua comida também, por isso venham as mudanças que eu vou voltar sempre aqui. A essência do blog não vai mudar de certeza, porque é a cara da dona do blog!
Bjs

Ale disse...

Renovar é preciso! Dizem que mudanças na maioria das vezes são bem-vindas, são para melhorar nossa vida e nossa alma. Sendo assim espero que essas mudanças previstas te tragam muitas coisas boas e que elas se transfiram para todos que seguem o blog através de suas palavras e fotos.
Boa sorte com os planos.
Grande beijo.
Ale Dias

Flávia Tunes disse...

Parece que eu irei na contramão. As mudanças ocorrem, são necessárias e importantes, concordo. Porém, tenho implicado um pouco com tanta mudança, tanto dinamismo, tantas "novas tradições". Queria um pouco mais de permanência. Sinto falta de lugares reconhecíveis, sentimentos duradouros. E, para completar, a palavra saudade me remete a boas lembranças, não a num saudosismo doentio.
Talvez, no fundo, eu goste tanto do seu blog que não gostaria que mudasse. Rs.
De qualquer forma, que as musas lhe inspirem!

Verena disse...

Claudia,
mudanças nos deixam com pé atrás pois muitas vezes não sabemos como será daí para frente e isso pode nos tirar da zona de conforto. Essas mudanças que quer fazer são escolhas suas e isso já é diferente pois reflete uma nova fase da sua alma. Eu adoro o Sabor Saudade e a Claudia (amei esses óculos!) e vou sempre estar por aqui para aprender coisas novas ou simplesmente apreciar uma boa prosa!
Beijos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...