terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Doce de leite fácil... com cumaru



Na onda dos leites cozidos eu não podia deixar de publicar esta receita. Há muito eu estava querendo bater o martelo numa receita de doce de leite perfeita (para o meu gosto, claro) e viável para se fazer assim, tipo, de uma hora para outra. Uma receita prática, sem erro e que rendesse uma quantidade também viável de doce de leite. Um pote de 500ml. E depois de muito experimentar, quantidates e tipos diferentes de leite, eu cheguei a conclusão que esta é a minha melhor receita de doce de leite. Você pode usar para rechear bolo, biscoitos ou preparar pudins, mousse, sorvetes e muito mais.



Quando você colocar o leite na panela você pode adicionar sabores se desejar, coco ralado, canela em pau, raspas de uma fava de baunilha, umas sementes de amburana ou uma semente de cumaru. No final você retira as sementes. O doce de leite com cumaru é maravilhoso, fica com um sabor amadeirado doce delicioso. Talvez a melhor definição seja "acanelado" já que a cumaru lembra muito a canela, ainda que seu aroma pareça mesmo com uma mistura de canela e baunilha com amburana. Vale a pena experimentar. Mas eu adoro doce de leite com gosto de leite mesmo, viu? Sem adição de nada além do açúcar e do bicarbonato.



Doce de leite


1 litro de leite desnatado orgânico
3 dl de açúcar de cana orgânico
uma boa pitada de bicarbonato de sódio
1 semente de cumaru (opcional)


Como:

Coloque o leite, o açúcar e a semente de cumaru numa panela de fundo grosso com capacidade para pelo menos o dobro da quantidade de leite em açúcar (no caso, 3 litros) e sobre fogo médio deixe que o leite ferva. Acompanhe o leite como um cão de guarda, mexendo de vez em quando e retire a panela do fogo imediatamente na hora que ferver pois o leite vai querer subir e transbordar. Uma panela grande é importante por isso. Adicione o bicarbonato (vai espumar) e devolva a panela ao fogão e reduza o fogo para médio-baixo. Deixe que cozinhe por uma hora, mexendo o tempo, sempre que possível. Quanto mais você mexer o doce menos ele vai talhar pois não vai ser possível deixar que as bolotinhas de leite se formem no fundo da panela. Depois de uma hora de cozimento em fogo médio-baixo o dice deverá estar totalmente no ponto. Quando começar a engrossar faça o teste do pires gelado. Retire do fogo e divida o doce em vidros esterilizados. Feche corretamente para formar vácuo.

Rende 500ml/5dl de doce de leite


Este doce não fica talhado pois eu mexo o doce praticamente o tempo todo. Para não deixar que o doce comece a talhar por baixo e o resultado é um doce denso e sem sinais das pelotinhas de leite...



Eu adoro doce de leite talhado mas este fica mais bonito, quase profissional. E delicioso, sem qualquer aditivo ou conservante e feito com leite de alta qualidade é o sonho de consumo de qualquer apaixonado por doce de leite.



O doce de leite você deve guardar em vidro esterilizado e fechar de modo que o mesmo forme vácuo depois de fechado. O vidro pode permanecer em temperatura por cerca de 3 a 6 meses, mas depois de aberto deve ser refrigerado.

11 comentários:

»¤Þ䵣䤫 disse...

Ficou super lindo seu doce, adorei a receita! Bjos

Nina disse...

Hum...
Minha filha adora doce de leite! E eu, morro de saudades do doce de leite talhado que minha avó fazia...

Beijo grande, torcendo para que sua viagem ao Rio esse ano seja tão boa quanto foi a minha!

Claudia disse...

Paula,

Obrigada. Ficou uma delícia também!


Nina,

Vocês estiveram no Rio? Que ótimo. Eu não vejo a hora de chegar. Mas dá uma certa ansiedade depois do episódio do ano passado que eu já fico com medo que alguma coisa ruim aconteça, sabe como. Mas acho que é natural. No fim espero que tudo seja ótimo e que eu possa matar as saudades da família em paz.

Bjs,


Claudia

Gina disse...

Cláudia,
Sou fã dos orgânicos e creio que todas as pessoas deveriam empregar produtos orgânicos. Na medida do possível, compro esse tipo de produto.
Infelizmente, a ganância da indústria, a irresponsabilidade dos hortifruticultores que empregam pesticidas tóxicos (e muitos outros argumentos que você sabe melhor do que eu), além da redução do preço para a maioria da população, em detrimento da qualidade, leva a esse estado de coisas.
É inegável a qualidade e o sabor de um prato caseiro feito a partir de produtos orgânicos. Esse tempo dedicado ao preparo, ainda que demorado, faz parte do ritual do prazer na cozinha.
Enfim, seu doce de leite deve ter ficado espetacular. O cumaru só conheço pelos blogs.
Bjs.

Regina disse...

Meu Deus! Tenho que emagrecer uns cinco quilinhos antes de comecar a fazer essas suas receitas que parecem tao saborosas.
Adoro doce de leite, pudim, brigadeiro, sorvete, etc., etc.
Esse blog e muito delicioso.

Claudia disse...

Gina,

Os governos, federal e estaduais, precisam fazer mais para controlar a venda, educar os agricultores e evitar o excessivo uso de agrotóxicos. O problema é tão complexo. Não adianta ficar analisando depois que o povo já consumiu o produto contaminado. Orgânicos estão em franca expansão e vão custar ainda mais barato do que o produto convencional. Esta é a minha aposta.

Regina,

Um pouquinho aqui e ali de vez em quando faz bem para a saúde mental e não estraga a forma. O segredo é saber ser comedida, né? Eu tento.


Beijos,

Claudia

Nina disse...

Claudia,

passei quinze dias, no começo do ano, no Rio, que amo de paixão. Ficamos no Leblon e, basicamente, era de casa para a praia e da praia para casa, com alguns passeios por perto. Não circulamos muito fora daquela região, mas não vi um único episódio de violência e me senti mais segura andando a pé por lá, inclusive à noite, do que me sinto em minha cidade. E olha que moro no interior!
Se alguém disser à minha menina que o Rio é perigoso, ela vai ficar sem entender nada!
Ótimas férias para vocês, e que o Rio cure todas as feridas.

Beijão!

Claudia disse...

Nina,

O episódio triste no ano passado a que eu me refiro é a morte repentina do meu irmão que aconteceu quando eu estava passando o carnaval no Rio. Que se foi pouquíssimo tempo depois do meu tio. Apesar dos conflitos que eventualmente ocorrem, como aquele no Alemão, o meu Rio é calmo e tranquilo e não me preocupam essas coisas mesmo. O que me preocupa é a saúde dos meus pais que estão desde então bem baqueados. Sabe como é? Essa minha família de cardíacos me deixa sempre com medo... Mas a vida é assim mesmo. Que bom que vocês se divertiram.

Bj,

C.

Daniel disse...

Oi Cláudia, tudo bem?
Eu não tenho experiencia com doce de leite e gostaria de saber a função do bicarbonato na mistura.
Abraço

Claudia disse...

Daniel,

Doce de leite é uma das melhores experiências para se conhecer a química de alimentos tão básicos como leite e açúcar. O bicarbonato serve evitar que açucar cristalize e para ajudar a talhar o leite mas se você mexer o leite constantemente durante o cozimento ele não vai talhar pois ele talha quando é deixado cozinhar sem mexer e começa a talhar pelo fundo.

Um tantinho de sal ou de cremor tartar tb ajuda a evitar que o açúcar cristalize com as mexidas. Não esqueça que doce de leite é uma forma de caramelização do leite com açúcar e sempre cristaliza se mexer. Dependendo da tipo e da quantidade de leite, de açúcar, da temperatura e da panela de cozimento os leites podem resultar em doces totalmente diferentes.

Mas olha, doce de leite não dá certo com leite UHT de caixa. Pode ser pasteurizado mas não UHT.

Boa sorte.

Claudia

Ana Borba disse...

receita testada e aprovada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...