sábado, 2 de julho de 2011

Dá um close nelas...




Temos um arbusto imenso, ou melhor, são dois imensos arbustos... um de cada lado do nosso jardim/quintal. Eles servem de "cerca-verde" e fazem a divisa com as casas dos vizinhos. E eu sou louca por eles, pelos meus arbustos. Todos os anos eu e Per brigamos feio por causa dos arbustos... ele quer podar radicalmente os galhos dos meus amores quando começa a primavera. E eu prefiro morrer a deixar cair por terra aqueles galhos lindos... Mas o inverno aqui é cruel e uma montanha de neve se acumula sobre meus imensos arbustos todos os anos e os está inclinando e eles estão caindo para frente, já estão cobrindo o sol dos pequenos canteiros que se espalham pelo jardim...



Perdemos um lindo arbusto amarelo este ano em função do excesso de neve que simplesmente curvou o arbusto de um jeito que ele não teve mais salvação. Para impedir o pior este ano, lá fui eu podar arbusto, munida de nada mais do que uma pequena tesoura de jardim... e foi como cortar cabelo com tesoura de unha. Enfim, dei uma pequena podada nas pontas, liberei o sol para as peones, os lupinos e um lindo e florido arbusto de sálvia.. E a coisa por aqui vai funcionar mais ou menos assim, no outono, quando as folhas começarem a cair, eu vou lá com minha tesoura podar os ganhos mais altos para deixa-los mais fortinhos para segurar o dobrado da neve pesada...



As fotos mostram as flores brancas lindas que nascem nas pontas dos galhos no final da primavera... se a gente poda os arbustos do jeito que o Per deseja elas não florescem... é quase um crime podar estes arbustos. E a florada dos arbustos é um momento mágico para mim... se a gente podar "quando se deve" as flores que nascem nas pontas dos galhos não crescem e não florescem por isso tanta briga. Se podarmos na primavera vira uma cerca verde, sem flores, exatamente como os arbusto de alguns dos nossos vizinhos... eu quero, eu preciso, eu exijo as flore brancas do meu "arbusto véu de noiva"... Olha que lindinhos os bouquezinhos que formam o grande arbusto...





Todos os anos eu corto alguns galhos do arbusto e trago para minha sala para tentar reproduzir dentro de casa um tanto da opulência desse arbusto... ah como eu amo essas flores brancas... e se a gente poda na primavera elas não crescem, eu posso? Claro que não... aí eu podo no outono, e é tudo do meu jeito... até a natureza.


15 comentários:

Fabíola disse...

Claudia,

palavras e imagens belíssimas. Eu também brigaria com meu marido, mas não podaria os arbustos sem antes poder ter o presente de ver essas flores.

Sorrisos.

ps: posso levar algumas das imagens para o meu blog? Gostei muito destas e de um outro post seu, "Verão em Trondelag" - não consigo escrever com a grafia correta :)

Isabel disse...

Lindo! Não deixe Per podar nunca :)
Bjs

Claudia disse...

Fabíola,

Obrigada. Mas claro que pode reproduzir as imagens... a internet é livre.


Isabel,

O Per quer deixar os arbustos bem arrumadinhos, podadinhos e eu gosto deles livres para florir... Mas se ele não podar quando ele quer ele abandona e então eu tenho que ir lá com minha tesourinha cortar pois os arbustos estão imensos e vão despencar com a neve quando ela chegar... em agosto eu vou dar uma peladinha neles...

Beijos,

Claudia

Sonia Versiani soniaversianiblog@gmail.com disse...

Oi Claudinha, estou ha horas lendo seu blog, e' maravilhoso, as receitas fantasticas, to babando e doces nao sao meu forte (pra comer, mas adoro fazer), as viagens, as fotos ,a familia, a loja, a saudade do Nio, vc ta uma fera na cozinha, eu sempre achei que vc gostava, mas nao sabia que era uma craque desse tamanho, mil beijos no coracao, Soninha.

Luciana disse...

Lindo demais. Eu também brigaria pra marido não podar.
Beijo

SarinhaT - No Conforto da Minha Cozinha... disse...

Lindas fotos.

Claudia disse...

Soninha, querida, que bom que você gosta de ler o blog, é super pessoal mesmo.

Mas eu gosto mais de cozinhar doce do que de comer... Acabo comendo muito pouco, me enjoa fácil. Mas quando o doce é de chocolate eu como... gosto de chocolate.

Sabe que desde que o Nio se foi que eu não páro de pensar nele, cada vez que escrevo lembro de alguma coisa e como eu desejo que as coisas fossem diferentes. Mas a gente precisa aceitar seguir vivendo, espero que em Dezembro minha mãe e o Felipe, filho do Nio, venham passar o Natal aqui. A Gabriela já está fazendo vestibular.

Beijos querida!

Claudinha

Claudia disse...

Luciana,

Eu falo sempre para o Per que, se algum dia a gente se divorciar vamos virar novela na boca do povo. As Matildes vão perguntar, "mas eles se separaram por causa do jardim"? Pois é, hão de dizer: "tudo por causa de um arbusto"...

Sarinha,

Obrigada. O arbusto é que é bonito!

Beijos,

Claudia

Gina disse...

As flores aqui em casa também já foram motivo de desencontros. Pelo marido, já não teria arbustos no canteiro da calçada. Ele implica com minha kaizuka também, que já está crescendo muito...rs! Aí eu vou lá e faço uma poda radical em espiral. Fica lindinho e ele esquece.
Esses buquês são magníficos. Eu teria muita pena de cortar.
Bjs.

angela disse...

E o nome dessa belezura? Será que temos aqui embaixo? Também quero!!

Claudia disse...

Angela,

o arbusto chama-se spirea veu de noiva veja aqui

http://en.wikipedia.org/wiki/Spiraea

eu já tinha dado o nome em outras postagens

http://saborsaudade.blogspot.com/2009/06/arbustos-e-iogurte-ao-sol.html

http://saborsaudade.blogspot.com/2009/06/eu-quero-flower-power.html

Abraços,

Claudia

Noémia disse...

Lindas, lindas as suas flores!
A gente vive se debatendo entre a razão e o sentimento, compreendo que aí ganhe a sua afectividade porque o efeito dessas flores é maravilhoso.
Finalmente vou visitar a Noruega este Verão, num cruzeiro, é pena não chegar aí tão acima pois teria muito prazer em conhecê-la. Segui o seu conselho e em vez de ir ver a neve que adoro, vou agora no tempo quente! :)

Bergamo disse...

Clau,
Confesso, faz tempo que não passo por aqui e de repente me deparo apenas com coisas belas, uma colherinha-borboleta, fotos lindas e receitas deliciosas...preciso passar mais vezes por aqui ;)
Beijo,
Marcelo

Melancia disse...

Acabo de chegar no seu blog,adorei tudo mas sem duvida as flores são lindas.
Bjssssssss

Flora Maria disse...

Lindas, maravilhosas, suas flores brancas ! Eu adoro flores brancas.

Continue lutando para conservar seu arbusto encantador e poder mostrar a maravilha dessa florada branca para nós!
Beijo