Sabores da infância, compota de maça com baunilha e laranja



Compota de frutas com queijo fresco é uma das sobremesas que mais amo. E esta compota de maça é uma das delícias mais marcantes da minha infância. Esta compota de maças que eu comia na casa da minha avó e sempre pedia quando ia lá. Esta aqui é a minha versão, um pouco diferente, com menos açúcar, com baunilha e suco de laranja. O resto é um pouquinho de água e as melhores maças que voce puder encontrar. As maças que eu usei aqui são Red Delicious argentinas orgânicas e estavam doces e bem pouco ácidas.




Eu usei nesta compota uma fava de baunilha que já tinha usado anteriormente e que estava mais ou menos "vazia", sem muitas sementinhas para raspar, pois eu já tinha usado o conteúdo da fava em outras receitas. Mas uma fava, mesmo vazia ainda contém sementinhas e, acima de tudo, contém muito sabor. Ao cozer as frutas com a fava a compota absorve o perfume e o sabor delicioso de baunilha. E além disso, usando baunilha em fava, a calda vai ficar com aqueles pontinhos pretos lindos da baunilha no líquido.





Compota de maça com baunilha e laranja

5 maças orgânicas
1 a 2 laranjas orgânicas grandes (100ml de suco de laranja)
Raspas de meia fava de baunilha (eu usei uma fava "vazia")
2 colheres rasas de açúcar
1 xícara de água filtrada







Como fazer:

Esprema uma laranja grande e reserve o suco. Confirme que a laranja produziu pelo menos 100ml de suco, se precisar esprema outra laranja. Descasque as maças e pique-as do tamanho que preferir. Fatie se preferir. Vá colocando as maças decascadas e picadas numa panela e, a medida que for adicionando as maças, vá adicionando também o suco de laranja e misturando. O suco evita que as maças escureçam. 

Depois que todas as maças estiverem na panela, adicione a água, o açúcar e a as raspas de baunilha (ou a fava de baunilha). Misture um pouco e leve ao fogo médio e deixe que cozinhe até as maças ficarem macias, mas não moles, cerca de 5 a 7 minutos. 

Se desejar engrossar a calda, retire as maças com uma escumadeira e coloque-as num pote de vidro. Deixe a calda na panela e cozinhe até reduzir e atingir a consistência desejada. Quando mais cozinhar, mas grossa ficará a calda. Se estiver usando uma fava de baunilha, deixe a fava na água enquanto engrossa a calda.

Depois que a calda estiver na consistência adequada, coloque a calda no vidro, sobre as maças. Se preferir, remova a fava vazia. Feche o vidro e o posicione de cabeça para baixo, sobre uma tolha de cozinha na bancada da cozinha até esfriar totalmente. Ao virar o vidro de cabeça para baixo, o conteúdo fervente, ainda bem quente, vai fazer pressão e selar a compota contra oxigênio. Mas escolha bem o tipo de vidro a ser usado. Ele precisa ser novo e esterilizado (lavado com água fervendo).





Comentários

Juni disse…
Que delícia! Vou experimentar hoje mesmo.
Beijos, lindo dia.
Natalia disse…
Lembranças da infância sempre serão as melhores. Uma sobremesa bem simples mas deliciosa sem duvida. O cheira da laranja e a baunilha com o sabor das maçãs, nossa senhora delícia.
uma grande homenagem ao nome do seu blog, e sua avó
beijos

Postagens mais visitadas